Páginas

Estrada

A Bend in the Road - Paul Cézanne   
Gosto dessa palavra,
Penso na jornada,
Penso na caminhada,
Penso na minha estrada.

Tudo que trilhei,
Os sonhos que conquistei...
É verdade, por alguns lutei,
Outros tantos abandonei.

Estrada? Estrada! Estrada...
Quero percorrer um caminho!
Em que a luz brilhe
Não apenas no céu, brilhe em mim!
E o que nos resta ao fim?

É só isso:
A estrada.
É só riso:
A estrada.
É só risco:
A estrada.

Caminho humano sei que tenho a percorrer,
Mas quero ao fim caminho divino merecer.
Estrada... Estrada... Estrada...
É só isso e mais nada.

Fabiana Cristina Ventura
(Publicado no livro: 100 Grandes Poetas Brasileiros Contemporâneos 2010)
Em:http://www.camarabrasileira.com/100p10-060.htm