Páginas

Paulo Freire

A educação
Não era somente,
Na sua visão,
Para o Homem meramente;
Era educação
Com o Homem principalmente.

Ansiava educar para transformar, libertar;
Não para alienar, aprisionar.
Alfabetizava a partir do saber popular,
Visava o saber científico
Alcançar, que magnífico
Assim ensinar.

Fazia o indivíduo perceber
Que não era massa
Para acriticamente tudo obedecer;
Que pertencia a um povo, que já bastava de desgraça,
Que tinha o direito
De se livrar da mordaça
E assim da história ser o sujeito.

A Pedagogia Freireana
Diz não ao conhecimento bancário,
Não ao ensino depositário;
Sim aos professores Humanos,
São destes que precisamos no páreo.

Fabiana Cristina Ventura
(Publicado no livro "Brasilidades- vol. 1" Edição Especial 2012)

Nenhum comentário: